sábado, maio 29, 2010

NÃO FAZ SENTIDO

Ler hoje que a Direita mais conservadora e reaccionária procura desesperadamente um candidato para apresentar nas próximas eleições presidenciais não faz qualquer sentido.
A ser verdade essa intenção, é mais um claro sinal de que certos sectores políticos continuam a não perceber que os cidadãos já não dão a importância à Igreja que esta tinha há 30,40 anos, e que o seu peso e influência na sociedade é muito mais ténue.
No que a mim diz respeito, eu que sou católico, crítico do aborto e defensor do casamento entre pessoas do mesmo sexo, afirmo sem hesitação que Aníbal Cavaco Silva voltará a ter o meu voto.

terça-feira, maio 25, 2010

A CRISE NÃO CHEGA A ALGUNS

Só em transportes os deputados vão gastar este ano mais de 780 mil euros do que em 2009 - um aumento de 25% - avança hoje o Correio da Manhã.
Estão previstos aumentos para transporte, deslocação dos deputados, despesas com seminários, exposições e similares, artigos honoríficos e de decoração do Parlamento.
Um péssimo exemplo daquela que em teoria é a casa da democracia, mas que na realidade é cada vez mais a casa da 'bandalheira'.

quinta-feira, maio 20, 2010

FUSÃO DE CRISES

O número de portugueses e espanhóis partidários de uma integração política de Portugal e Espanha numa federação ibérica aumentou em relação a 2009, indica um estudo universitário luso-espanhol.
Para além do facto destes portugueses vergonhosamente traírem a memória e a honra da nossa Padeira de Aljubarrota, não há nada como promover a fusão de dois dos denominados PIGS, que a Europa 'carinhosamente' baptizou...
Catástrofe económica e social ao quadrado, à moda da Ibéria.

quarta-feira, maio 19, 2010

QUESTÕES DE EQUITATIVIDADE...

José Sócrates recusou seguir o exemplo de Espanha e assim cobrar uma taxa adicional de IRS apenas aos funcionários públicos, segundo ele, porque isso não seria justo.
O que o senhor primeiro-ministro não diz é que os funcionários públicos, ao contrário dos demais trabalhadores, beneficiam já de algo adicional: protecção no emprego e a (quase) impossibilidade de serem despedidos.
Já para não referir que Portugal está engordado em funcionários públicos e que os votos destes dão muito jeito, pelo que não interessa afrontá-los, não é senhor primeiro-ministro?

ROUBAR

Diz Belmiro de Azevedo que "quando o povo tem fome, tem direito a roubar".
Eu diria que o povo tem fome porque o governo tem feito de roubar... um direito seu.

segunda-feira, maio 17, 2010

JÁ NÃO ACREDITO



Confesso que uns meses depois de ter contribuído com o meu voto para a reeleição de José Sócrates já em nada do que ele diz consigo acreditar.

Já não acredito que o caso Freeport é uma maquinação e uma tenebrosa cabala contra si.
Já não acredito que a 'estória' da sua licenciatura é uma mera confusão processual.
Já não acredito que o caso Face Oculta é uma pura orquestração de quem o quer derrubar.
Já não acredito na sua honestidade e voluntarismo em assinar projectos de carácter urbanístico para amigos.
Já não acredito que Sócrates é um homem bom mas que tem muito azar em relação a quem o rodeia (tio, primos, Armando Vara...).
Já não acredito que o primeiro-ministro tenha um rumo para Portugal.
Já não acredito que o líder do governo seja capaz de nos tirar da crise em que ajudou o país a caír.

Em suma: para mim, José Sócrates está a ser uma profunda decepção, porque acreditei que daria um bom líder do PS, acreditei que seria um óptimo primeiro-ministro e acreditei que numa classe política depauperada e descredibilizada marcaria a diferença pela positiva.

Uma profunda desilusão que tão cedo não me fará voltar a acreditar na boa-vontade dos nossos políticos e na sua honestidade estrutural.

domingo, maio 16, 2010

UM PAÍS DE MARIONETAS

Estado de Segredos, de Frederico Duarte Carvalho

Um livro onde se confirma que Francisco Pinto Balsemão é o nosso senhor todo-poderoso no sinistro Clube de Bilderberg, o senhor que convida quem a seguir se promove e catapulta na cena política nacional, e ainda o senhor que por exemplo escolheu José Sócrates para primeiro-ministro...

Um livro onde se descobre o paralelismo entre o caso de pedofilia da Casa Pia, o Euro 2004, a fuga de Durão Barroso para Bruxelas e a ascensão de Santana Lopes a primeiro-ministro...

A revolução de 1974 promovida pela maçonaria e pelos tenebrosos interesses norte-americanos, o protagonismo de Carlucci e Kissinger, o seu amigo de conveniência amigo Mário Soares...

O atentado de Camarate, o assassinato de Amaro da Costa por se opôr a que altas patentes das forças armadas estivessem envolvidas no tráfico de armas, a insatisfação norte-americana para com Sá Carneiro, a jogada orquestrada para que as armas contrabandeadas chegassem ao Irão e que estes retivessem reféns norte-americanos até que Jimmy Carter perdesse as eleições para Reagan...

O caso Casa Pia rebentar quando Paulo Portas andava a ser investigado no âmbito das tramóias na Moderna e na Lusófona; o tráfico de armas, a maçonaria, o conforto dado pelos norte-americanos ao líder centrista, através de Rumsfeld...

Em suma, um livro que denuncia algo de que há muito se fala em surdina, e a confirmação de que Portugal e o povo português são autênticas marionetas nas mãos de grupos sinistros de interesses, onde apenas nos é dado a ver aquilo que certos senhores querem.

sexta-feira, maio 14, 2010

JÁ PASSARAM DEZ ANOS...



14 de Maio de 2000: Estádio de Vidal Pinheiro

Salgueiros, 0- Sporting, 4

O fim de um penoso jejum...


POR PORTAS TRAVESSAS

Diga-se o que se disser, seja ele aquilo que for, a verdade é que por estes dias o discurso mais sensato, judicioso, equilibrado e aceitável - vindo da classe política cá do burgo - tem sido o de Paulo Portas.
Tudo o resto é a velha 'cassete' e a conversa da treta de quem nos tenta enfiar o barrete.

O PAÍS DOS TRÊS F'S

Portugal, hoje e sempre, o país dos três F's: Futebol, Fátima... e Fado. Neste caso, o fado do povo português ter que pagar uma vez mais do seu bolso o desvario e a incompetência de quem há décadas nos anda a (des)governar e a gozar connosco!

quinta-feira, maio 13, 2010

UM DIA A CORDA PARTE-SE...

Andamos décadas a ser gozados pelos imbecis incompetentes e vigaristas que nos desgovernam, os boys deleitam-se com tachos para os quais não têm pingo de capacidade e no final é sempre o 'Zé Povinho' que tem que pagar a factura e suportar a crise...

quinta-feira, maio 06, 2010

FUTEBOL E FÁTIMA

Serei um dos poucos portugueses que pouco ou nada está a 'vibrar' com a anunciada visita do Papa Bento XVI?
Vejo tanto frenesim, outdoors, anúncios de impresa, inclusivé bandeiras (com a cara do senhor) nas janelas, que tudo isso me faz recuar à célebre febre das bandeirinhas incutida por Scolari nos tempos do Euro 2004.
Conclusão: futebol e religião, a alienação do povo lusitano...

UM MAU SINAL

Dá que pensar quando se vê a facilidade com que um deputado 'saca' os gravadores de dois jornalistas, nas 'barbas destes', sem que sequer se apercebam.
A analogia daquilo que a classe política faz ao vulgar cidadão?

SE EU FOSSE BRITÂNICO TERIA VOTADO EM...



... NICK CLEGG!